19 anos de história: como tudo começou

      Era o ano de 2000. Torcedores começaram a se questionar como seria o futuro do Grêmio. Perguntas sem respostas apareciam na cabeça: Por que não existem eleições no Grêmio? Por que sempre os mesmos são eleitos para cargos executivos e no Conselho Deliberativo? Por que não há profissionais de mercado no Clube? E o principal: onde fica a participação dos sócios na vida do Grêmio? Democracia e profissionalismo eram as palavras que surgiam como as soluções para os questionamentos deste pequeno grupo de jovens sócios e torcedores que começou a se reunir com o objetivo de trabalhar para que os dois pontos fossem trabalhados e inseridos dentro do Clube.

 

      Muitas vitórias foram conquistadas desde então, como a democratização das eleições presidenciais e para o Conselho Deliberativo, fazendo a torcida participar ativamente da escolha de seus representantes dentro do Clube, além de iniciar o caminho da profissionalização do Clube. Um processo longo, ainda em andamento, mas sem volta. Como resultados imediatos, o Grêmio voltou a ter crédito, paga suas contas em dia e é dono do projeto do estádio mais moderno da América: a Arena Tricolor. Este é o Movimento Grêmio Novo. Formado por sócios e torcedores como vocês, que torcem nas arquibancadas, fazem a avalanche na geral, estão nas sociais ou nas cadeiras.

Desenvolvido por Monvie 2017©